74% dos brasileiros prefere viajar a viver um amor #6

de onde que vem essa desilusão com o amor gente? precisa ser binário? risos cringes.

resumo do ópera_
brasileiros e o novo amor: viajar lidera todas as prioridades. no dia do estudante, 11 de agosto, conversas sobre como conciliar nomadismo e vida acadêmica. em busca de refs sobre o norte do país. ministro da educação que defende que universidade é para poucos. como confiar na vida e no mistério, quando tudo parece desabar.

estudar e viajar

em 2013 uma grande tendência profetizada por Rohit Bhargava, previu a explosão do aprendizado sem diploma, as pessoas começaram a buscar meios diretos para ter acesso a novas habilidades e aprender algo novo, sem a necessidade de uma formação acadêmica.

se por um lado, a tecnologia democratizou o acesso ao conhecimento, por outro lado, nem sempre somos capazes de processar o conhecimento adquirido rapidamente como processamos o que aprendemos mais devagar.

dia 11 de agosto é celebrado o dia do estudante, momento que coincide com a fundação das 2 primeiras universidades do país. essa publicação da @gama me atravessou muito, abandonei o meu primeiro curso superior e o segundo, foi uma escolha com base no mercado.

embora eu valorize bons aspectos no aprendizado instantâneo, não posso deixar de reconhecer (e ter saudade) o valor de estar dentro de um campus universitário. foi por lá que tive acesso as primeiras manifestações da minha liberdade, fiz grandes amizades e encontrei o amor da minha vida, existe algo de muito importante no contato que o conhecimento proporciona. e isso tem tudo a ver com viagens. Se liga…

A post shared by @gamarevista

acho pesado falar em não “recuperar", realmente tempo perdido não se volta atrás, mas a vida normalmente é assim certo? toda geração está fadada a perder alguma coisa e ter de aprender a lidar com isso.

de toda maneira, o carrossel ganhou minha atenção, não sou 8 ou 80 e gosto de estar aberta a novas possibilidades, e é por isso que pós pandemia, pretendo incluir nos meus roteiros de viagem (principalmente os slow) planos de fazer cursos de férias/verão/idiomas, dentro de universidades, tô sentido falta desse contato com a maestria, admirar professores da academia e seus infinitos currículos lates, e vocês? acham que eu tô louca?


viajar para fugir dos problemas?

a sexta nacionalidade (de 28 consultadas) que mais prioriza viagens a encontrar alguém especial. somos nozes 🥜

entre: viajar e viver um amor, viajar e ter uma promoção no trabalho, viajar e comprar um carro, viajar e ter um jantar com a família pós pandemia, o brasileiro respondeu que prefere viajar em todas as hipóteses. risos.

essa é uma pesquisa deste ano, feita pelo Booking. visto que o estudo foi feito após 1 ano de crise sanitária, para não ficar enviesada demais a conversa, catei outros conteúdos com fontes bacanas sobre, e teve até termo novo surgindo por aí “revenge travel”. afinal, quem é você na fila do check-in? confesso que não me encaixei em nenhum dos perfis, embora o sentimento seja real. tô mais para: fazer trilhas e ouvir a natureza em destinos pouco procurados. correndo de programa turistão. risos.

A post shared by @carvalhando

cheirinho de livro novo

alguém aqui segue a Manoela Ramos, @escritoraviajante? comprei o livro dela, em busca do norte, e vou arrumar tempo essa semana para ler e conversar com nossa comunidade 🐝

abrindo o site da Manu, você se depara com a frase: a vida é a maior viagem. portanto, não espero menos desse livro. a promessa é: aventuras na região norte do brasil. uma coisa que eu tô há um tempo querendo aprender e viver mais, conheço um total de zero, do norte do nosso país. se alguém já leu, já viveu algo por aquelas bandas e quiser contar, responde esse e-mail, pensando em uma edição todinha sobre e precisando de refs sem preguiça 🍀


falando sobre educação, amor e viagem

  • universidade para poucos, realmente, como acreditar que alguém com esse pronunciamento (ministro da educação!!!) tenha ido para faculdade? ele deveria ter sido o primeiro a não ir (se é que foi) 🤮 *contém ironia*

  • falando em amor, tô mais para vibes vaccinated ✌️

  • #leadwithlove, okay, eu sei que tem uma marca querendo ganhar dinheiro aqui, mas achei muito fofo essa campanha da P&G.

  • confiar no mistério, na vida, no inexplicável. a pandemia é muito maior que nossos planos de viajar, vamos confiar e relaxar, para não enlouquecer. tem algo muito especial esperando por nós por aí, mas vamos fazer isso com responsabilidade.

A post shared by @erabiscando

quando a gente junta

desafiamos nossos membros, a se tornarem nossos criadores, deixando de ser apenas leitores passivos, e se tornarem parte (e autores) da aventura. a forma como co-criamos, é uma obra de arte coletiva, é por isso que nossa planilha está sempre aberta, se você acha que pode colaborar, ou apenas quer indicar/conectar pessoas à nossa comunidade, não hesite em clicar.

Rolou na edição anterior:
#4 | o vazio de uma vida ocupada demais
#5 | não levantem cercas à minha volta

obrigada por ler até o final, e não esqueça de compartilhar :)

👧 curadoria e textos por Mari Rosa.

📩 essa é uma newsletter (co-criada) sobre Nomadismo Digital, acreditamos que esse processo invariavelmente passa por ter conversas sobre trabalho, comportamento, família e saúde (mental e física) - e como todas estas coisas conversam entre si, para o sucesso do processo. se você gostou do que encontrou aqui, toda quinta feira tem mais, para receber por e-mail, é só se inscrever:

inscreva-se agora :)